16/09/2016

Não tenha medo de dizer o que sente a alguém.


     Temos vivido em uma era onde as pessoas tem (sim) medo de demonstrar o que estão sentindo pelo o outro em uma relação pelo simples fato de se machucarem. Alguns costumam fazer joguinhos para mostrar quem é que está no comando para que a pessoa do outro lado não ache que está de bandeja em sua mão ou que não a tem fácil demais. Parece que é um erro imensurável demonstrar o que você sente a alguém. Alguns insistem em achar que é fraqueza, que não podem deixar com que a outra pessoa saiba o que você sente, sem antes ter certeza de que o sentimento é reciproco. Mas andei revendo meus conceitos e cheguei a seguinte conclusão: e se tivermos que sofrer? há um modo de impedir com que isso aconteça? Não, não há. 

    Acredito que em tudo que fizermos, devemos dar o nosso melhor. Em uma relação não seria diferente… Mas pera lá amigo, ainda não é oficialmente um "relacionamento" e talvez não chegue a ser. Mas você tentou? Deu o seu melhor desde o começo? Se não, te digo que é uma pena. Se ainda tem dúvidas, acabe com elas de imediato. Não tenha medo de deixar claro o que você sente, quando estiver sentindo. Talvez a pessoa que você esteja, possa não estar sentindo o mesmo que você, ou não estar em sintonia com aquilo que você estar a sentir. Mas uma coisa eu digo: pelo menos você deixou claro o seu sentimento.

    Temos que parar de temer. O mundo precisa de amor. Eu preciso de amor. Você precisa, todos nós precisamos. E se não for com quem você está no momento, acredite que uma hora será. O sentimento que você nutre nunca será igual com outra pessoa, mas lembre-se que a sua parte você tem feito e tenha a certeza que uma hora irá aparecer alguém que também sinta o mesmo que você e que não vai ter medo (nem vergonha) de admitir isso à você. Mas não tenha medo não. Abra o jogo, o coração, sempre. Quando estiver sentindo algo, tipo borboletas no estômago ou até mesmo quando não estiver sentindo absolutamente nada, diga. Não deixe oportunidades nem pessoas passarem. Por que o tempo meu amigo, não volta. E acredite que há alguém que sente o mesmo por você e que talvez tenha essa mesma forma de pensar, com medo de você fazer esse tipo de joguinho do amor. Mas ó, esses jogos nunca duram para sempre e pior do que não ser correspondido, é jogar um jogo sozinho.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

© Vinícius Delvalle - 2015. Todos os direitos reservados.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo